sexta-feira, julho 13

Amarelo


Há um cheiro amarelo, quase ocre nos últimos dias de Agosto. Pensou. Os olhos semicerram-se e a memória arrasta-se com a maré que baixa. No limite das auréolas salgadas, uma mulher de saia branca. Parece a mulher dos bolos. E a voz aguda gritada por entre as ondas regressa. A cesta de verga grossa e desfiada numa das asas. As pernas escuras e inchadas por debaixo da saia arregaçado num dos lados. A mulher dos bolos. A mãe, de fita às flores no cabelo loiro chama-a com um gesto do braço direito, agitando a as escravas de ouro branco. E a mulher na mesma toada sai do seu trilho de areia molhada. Lentamente. Com os pés meio enterrados na areia já morna de fim de tarde. Ajoelha-se a dois passos da sombra da barraca de riscas azuis. A saia branca tapa-lhe os joelhos encardidos. Sorri. E a boca despida de dentes ilumina os olhos negros e pequenos. As mãos com cheiro a canela e laranja entregam os bolos. Guarda as moedas no bolso grande da saia e retoma o seu trilho de pegadas húmidas e aureolas salgadas.
Há um cheiro viscoso, quase amarelo, nos últimos dias de Agosto. Um cheiro primário, simples. Sem mistura de cores nem matizes mundanas. O cheiro original da tinta com que nos pintaram por dentro.

Macarrons com Lemon Curd



225 de açúcar em pó
130 g de amêndoa  moída
3 claras
60 g de açúcar granulado
Lemon curd


Coloque o açúcar em pó com a amêndoa num robot de cozinha e moa até obter uma mistura bem fina. Peneire esta mistura para uma tigela grande. Bata as claras em castelo, junte o açúcar e bata em merengue. Misture cuidadosamente o merengue com a amêndoa. Deve apenas misturar o suficiente para para ficar homogéneo. Deite o preparado num saco de pasteleiro e  faça pequenos círculos num tabuleiro previamente forrado com papel vegetal de boa qualidade ( para que os macarrons não peguem no final). Deixe repousar pelo menos 40 minutos de forma aos macarrons ganharem um película protectora. Leve ao forno pré-aquecido a 120º durante 20 minutos. Deixe arrefecer completamente e recheie com o lemon curd.



7 comentários:

mfc disse...

É aquela melancolia de fim de "saison" que nos entorpece!
É um dissabor mal digerido...
É o retorno ao real!

Beijinhos

Vânia Costa disse...

Fiquei encantada... É bem real essa senhora dos bolos, que nos afaga a memória de uma infância que passou, com momentos tão felizes! :)

E a receita, perfeita! :)

Beijinhos minha querida* obrigada pelas tuas histórias!

Mané disse...

Como sempre o texto é envolvente
(gosto dos macarrons)

Patricia disse...

É desta que me vou atirar de cabeça a esta receita e a estes macarrons. Obrigada, ficaram lindos e com um aspeto delicioso!
Há algum truque que tenha de saber? :)
Beijinhos e adoro o blog e as publicações.

Filipa Dourado Ribeiro disse...

que delícia!! Conheço bem essa senhora que me fez recuar no tempo....
Os macarrons....perfeitos!!!

CNS disse...

Patricia

O único "truque" é fase em que se mistura a amêndoa com o suspiro. Não pode bater, nem misturar a massa demasiado energicamente. Apenas o suficiente para envolver bem. O tempo de repouso também é fundamental e convêm que seja num local pouco húmido.
Bons Macarrons :)

Babette disse...

História e receita deliciosas...
Não me atrevo aos macarrons ;)))
Babette