quarta-feira, abril 3

Quente




Quando ele lhe perguntou de que é se arrependia de não ter feito, ela  respondeu-lhe: de nunca ter ido a Praga na Primavera e de nunca se ter sentado num café na Rive Gouche. Dizem que se comem lá umas tartes  maravilhosas.  Aux framboises,  disse com um sorriso snob. Mas não é isso o mais importante na Rive Gouche, respondeu ele enquanto ordenava os livros de filosofia por ordem alfabética. Ela suspirou  enquanto ajeitava a madeixa de cabelos brancos que lhe teimava em cair para  rosto, engraçado que nunca me lembro da Primavera de Lisboa, só do Verão.

Tartes de framboesa merengadas



350g de framboesas congeladas
100g de açúcar
Sumo de 1 limão + 1 colher de sopa de água
1 colher de sopa de amido de milho
4 claras em castelo
10 colheres de sopa de açúcar
1 colher de chá cremor tártaro

Leve as framboesas, com açúcar num tachinho ao lume. Depois de levantar fervura deixe ferver em lume brando durante 5 minutos. Dissolva o amido de milho no sumo de limão e na água. Adicione às framboesas e deixe engrossar. Deixe arrefecer por completo.
Bata as claras em castelo com açúcar até obter um merengue bem espesso. Junte o cremor tártaro e bata mais um pouco.
Forre pequenas tarteiras com a massa quebrada, pique-as com o garfo e pincele-as com gema de ovo. Leve ao forno  ( pré- aquecido a 180º) até dourarem um pouco. Retire-as, deixe arrefecer e depois recheie-as com o doce de framboesa e cubra-as com merengue. Leve as tartes de novo ao forno ( aquecido a 130º) até o merengue ficar estaladiço.

13 comentários:

Addicted disse...

Que tartes gulosas...
beijinhos :)

Luisa Alexandra disse...

Que aspecto delicioso!

Petiscos e Miminhos disse...

que boa ideia juntar frambroesas e merengue...uma verdadeira delicia!

Ondina Maria disse...

hmmm, agora que terminei de almoçar uma dessas tartes sabia mesmo, mesmo bem. Com framboesas, que gosto tanto :)

Blondewithaphd disse...

Adoro tudo o que tenha merengue! (então a crosta crocante...)

Maria disse...

Cristina, fiquei maravilhada...
Beijinhos
Maria

Comida de conforto disse...

Lindo texto, como sempre, servido de aperitivo para esta maravilhosa tarte!

Nizz disse...

Lindíssimas, a cor capta logo a atenção ao olhar ;)
Beijinhos!

Sophia, Mary and Mom ™ disse...

Segurando a minha madeixa de cabelos com um gancho, também eu comeria uma das tuas tartes de framboesa merengada, sentada num café da Rive Gauche. Obrigada.
Mom

Isabel Salvador disse...

uma maravilha deliciosa, tentação dos Deuses, bjokitas

Mena Lopes disse...

Cristina será dificil chegar aqui e encontrar um post que eu nao goste.
Chegas-me ao coração de duas maneiras!!
Uma receita perfeita!!!
Beijinhos e bom fim de semana!!
Mena.

Caio disse...

Anotei a sua receita e farei em breve! Da um passadinha la no meu blog!
http://prepararprovarpostar.blogspot.com.br/

pedra de sal disse...

Que delicia... É impossível nao ficar agarrada ao ecrã...